O Family Wellness International Institute (FWII) – Instituto Internacional de Bem Estar familiar é uma organização localizada nos Estados Unidos. Nós acreditamos que o bem estar de uma família acontece quando a necessidade de cada membro é atendida e, através de nossos atendimentos e cursos oferecidos, trabalhamos para atingir um equilíbrio entre as necessidades da criança, do casal e a necessidade individual de cada mãe e pai.

Nossa perspectiva para abordar qualquer atendimento parte do Behaviorismo com base na Saúde Integrativa que não ignora as necessidades básicas da criança e analisa as raízes do comportamento e emoções apresentadas, e reconhece a falta de conexão, necessidades não supridas, estresse e trauma, falta de habilidade e informação como causas primárias de muitos problemas comportamentais . O FWII tem mais de 40 Educadores Integrativos certificados no Brasil que estão ajudando a espalhar a filosofia da Saúde Integrativa Infantil. Dentre eles: pediatras, psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, consultores de amamentação, consultores de sono, enfermeiras, pedagogas etc. Alguns de nossos atendimentos são no sono, problemas alimentares, problemas escolares, medos, “birras”, adaptações, emoções, adaptações entre outros.

Além de auxiliar a família a ganhar mais conhecimento sobre os fatores nutricionais, ambientais e físicos que afetam a criança, nós pregamos também a empatia e respeito para que a criança alcance o seu potencial no desenvolvimento intelectual, emocional e na sua autoestima e, consequentemente, trazendo resultados no comportamento infantil e na relação familiar. Os pilares da Saúde Integrativa Infantil são: Criação com Apego, Displina consciente e não violenta e Emoções.

A nossa plataforma entre os EUA e Brasil traz o que há de melhor em informação, evidência científica, e capacitação profissional de uma forma dinâmica e interativa. O FWII é membro do NSF (National Sleep Foundation), API (Attachement Parenting International - Criação com Apego) e da ABED (Associação Brasileira de Educação a Distância).


  • Respeitar todas as famílias, seus estilos e filosofia de vida.
  • Apoiar a construção de vínculos fortes entre pais e filhos.
  • Encorajar o aleitamento materno e apoiar as escolhas de cada mãe.
  • Apoiar a cama compartilhada de uma forma segura.
  • Encorajar a criação de uma maternidade mais leve.
  • Promover hábitos saudáveis para bebês, crianças, adolescentes e adultos.
  • Auxiliar famílias a viverem o seu potencial.
  • Oferecer suporte aos pais e crianças que estão passando por privação de sono auxiliando, ouvindo, encorajando e guiando famílias com soluções saudáveis.
  • Proporcionar o bem estar para a família durante as refeições guiando os pais no caminho para que o bebê e a criança desenvolvam um relacionamento saudável com o alimento através de soluções práticas no comportamento infantil.
  • Oferecer consultoria que auxilia os pais a lidarem com o comportamento de seus filhos.
  • Oferecer cursos profissionalizantes e complementares com certificação internacional e nacional.

Conheça a forma de trabalho do FWII para cursos e atendimentos:

A Saúde Integrativa é usada através do conceito de bio-individualidade, onde coloca o indivíduo no centro do atendimento e aborda toda a gama de influências físicas, emocionais, mentais, sociais, intelectuais, espirituais, ocupacionais e ambientais que afetam a saúde de uma pessoa. Todo o atendimento parte de uma estratégia personalizada que considera as condições, necessidades e circunstâncias únicas do indivíduo, usando intervenções apropriadas para manter uma saúde ideal.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) define SAÚDE como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doenças”.

A Saúde integrativa busca então restaurar e manter a saúde e o bem-estar do indivíduo compreendendo o conjunto das circunstâncias em que ele vive, sabendo que a saúde física é apenas uma consequência de todas as dimensões de saúde que temos (mental/emocional, social, ocupacional, espiritual, intelectual e ambiental).

Mas atenção, Saúde Integrativa não é o mesmo que medicina ou terapia alternativa! Ela pode ser usada em conjunto, mas não define a Saúde Integrativa! Quaisquer influências biológicas, comportamentais, psicossociais e ambientais são levadas em conta na Saúde Integrativa, incluindo corpo, mente, espírito e comunidade usando todo um amparo cientifico terapêutico para tal.

O segredo do sucesso em nossos atendimentos é baseado em ciência de qualidade aberta a novos paradigmas.

Além de trabalhar com tratamentos, as raizes da Saúde Integrativa focam em promover saúde, prevenção de doenças e o desenvolvimento de comportamentos saudáveis para o uso ao longo da vida.

O FWII direciona todo esse trabalho no mundo infantil. Respeitando e olhando pela ótica da criança dentro da família desde o nascimento.

Atualmente, oferecemos cursos na área do Sono com ênfase na Saúde Integrativa para quem gostaria de orientar seus atendimentos quando o assunto é sono através de uma perspectiva integrativa.

Em breve teremos mais cursos!

Jessica é brasileira, terapeuta integrativa infantil formada e especializada em Saúde Comportamental Humana pela Auburn University nos EUA. Jessica cunhou o termo Saúde Integrativa Infantil que tem como base a Antropologia, Neurociência e Psicologia. A Saúde Integrativa nos permite compreender o comportamento da criança em escala, perceber os seus gatilhos e causadores e aborda-los de forma sistêmica, enxergando pela ótica da criança, dando voz a ela e incentivando a conexão familar. Jessica possui mais de 7 anos de experiência com crianças de 0 a 13 anos de idade tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos. Ela é também Wellness Coach, e possui especializações em Desenvolvimento Infantil, Saúde do Sono, Sensory processing e Play Therapy e atua como tutora promovendo cursos de atualização para profissionais. Jessica está constantemente envolvida em serviços sociais e trabalhos voluntários para auxiliar famílias e comunidades nos Estados Unidos (Saiba Mais!). Em algumas oportunidades, Jessica promove a cultura brasileira no exterior (Saiba Mais!) Em sua missão de compartilhar conhecimento e oferecer suporte para famílias e que pudesse expandir tudo isso para o Brasil surgiu então o FWII – Family Wellness International Institute, onde de forma dinâmica ela compartilha sua experiência como profissional e mãe. Seus princípios de criação são baseados no respeito mútuo da família que respeita a criança a tratando como pessoa (que merece o mesmo nível de respeito humano desde o início da vida) onde a família cresce com respeito, inteligência emocional e confiança. Jessica incentiva as mães a confiarem nelas mesmas e em suas crianças, um conceito simples, porém revolucionário que foca na conexão familiar, traçando a jornada de uma maternidade mais natural, cheia de compaixão e paz. Ela reside nos Estados Unidos com seu esposo e suas duas filhas.

Olá! Fico feliz que você achou a nossa comunidade de mães e pais que buscam o bem estar da sua família. Fique a vontade para explorar o site e nos seguir nas redes sociais para ficar por dentro de dicas e vídeos que postamos diariamente. Esse é o lugar para famílias que querem engravidar, estão grávidas, mamães de primeira viagem ou com outros filhos, e profissionais na área de saúde infantil e familiar. Quando a minha filha tinha 5 meses eu sofri com privação de sono que cheguei ao ponto de desistir de dormir pois ela acordava inúmeras vezes durante a madrugada (mais de 15 vezes por noite). Com o cansaço físico e mental, e o abalo emocional eu pensava que não havia solução para esse problema. As pessoas me diziam que isso era normal e que uma hora isso ia passar, e eu me sentia pior ainda por me sentir mal sobre a situação, eu me sentia culpada, ou egoísta por querer e precisar dormir. Quando, na verdade, essa hora que todos me falavam que ia passar nunca chegava, e eu descobri que não era só eu que estava sofrendo com as pouquíssimas horas de sono, a minha bebê também estava. Todo lugar que me oferecia ajuda só me dava à opção de deixar a minha filha chorando sozinha até dormir, ou de choro controlado entrando no quarto a cada 5 minutos para acalma-la. Isso não era o suficiente para mim, faltava algo a mais, faltava informação que nos proporcionassem uma noite de mais qualidade e sem estresse, afinal, não dormir já era estressante o bastante. Eu sentia falta de apoio e encorajamento de amigos e médico para entender o que se passava na minha cabeça e para me mostrar uma direção saudável para mim e para a minha filha, e não apenas esperar “o dia que isso ia passar”. Após estudos e especialização na área do sono que uni a minha área de saúde comportamental eu consegui melhorar as nossas noites mesmo dormindo no mesmo quarto com ela. Minha filha passou a dormir 11 horas por noite, ela se deita e acorda feliz. O resultado: uma família mais descansada e pais mais confiantes. De fato, a privação de sono é um dos maiores problemas na maternidade. Quando ainda estamos no hospital os médicos e enfermeiras fazem de tudo para nos informar sobre amamentação, troca de fraldas, banho, limpeza do cordão umbilical e uso do cueiro/charutinho. É difícil sermos informadas e preparadas sobre como fazer o bebê dormir e o que esperar com o desenvolvimento em cada faixa etária e como agir. Na verdade, a maioria das mães é encorajada a não dormir: “aproveite para dormir enquanto o bebê não nasce“ ou que “não dormir faz parte do sacrifico de ser mãe“. Com certeza um recém-nascido ou bebê de qualquer idade dá trabalho, mas há uma grande diferença entre se sentir cansada e se sentir totalmente exausta dia após dia que não temos energia nem para pensar, não conseguimos aproveitar e curtir por inteiro os momentos com o bebê e muito menos temos tempo de qualidade para cuidar do casamento e de outros filhos. Baseado na minha história, eu decidi proporcionar para outras mamães, famílias e profissionais da área infantil tudo o que eu sentia falta quando estava enfrentando a privação de sono. Há muitas instituições que informam e educam famílias sobre que tipo de alimento dar para criança para ela crescer saudável; há profissionais alertando as famílias para encorajar o desenvolvimento intelectual e cognitivo do bebê com livros e brinquedos educacionais etc. Constantemente, há muita informação sobre “o que” “como” e “quando” a mãe e a família devem fazer algo com a criança. Porém, há poucos lugares que promovem a importância da construção de vínculos fortes entre pais e filhos, e poucos lugares que informam os pais que os primeiros anos da vida de uma criança contribuem para desenvolvimento emocional e intelectual da mesma e como a família inteira pode se adaptar com essas mudanças como o sono, alimentação e brincadeiras que proporcionem a harmonia do lar por completo - sem deixar de lado o respeito e a empatia com as crianças e sem ignorar os sentimentos dos pais, até porque as necessidades da criança não podem ser atendidas adequadamente se as necessidades dos pais não forem atendidas também. Com a minha experiência pessoal e profissional eu fiz da minha missão ajudar outras famílias com os desafios comportamentais infantil e as dificuldades que a privação de sono causa. Eu desejo que as famílias possam criar uma conexão emocional prazerosa com os seus filhos ao mesmo tempo em que encorajam o bebê a se conectar consigo mesmo e crescer para ser um cidadão do bem, uma pessoa cooperativa, alegre e com a capacidade de dar e receber amor independente da cultura que ela viva. Eu acredito em educar e encorajar hábitos com amor. Afinal, a forma em que tratamos o bebê e as crianças influencia nos seus sentimentos e comportamento na infância, adolescência e fase adulta. Por fim, acredito que a família é o nosso bem mais precioso e se tudo está bem dentro dela as outras áreas da vida fluem com mais facilidade, e é para isso que o FWII existe, para contribuir e auxiliar a sua família.